Os primeiros 100 dias são os mais desafiadores e importantes de uma nova gestão pública. É nesse período que o gestor deve ajustar sua equipe e iniciar as mudanças que pretende implementar, tudo isso enquanto mantem a máquina pública trabalhando para atender a demanda do povo.

No dia 10 de abril, completaram-se os primeiros 100 dias da Gestão Alexandre do Fortaleza, 2021/2024, que, mesmo com problemas orçamentários e imprevistos, tem conseguido alinhar a administração, quitar dividas antigas e ainda manter o atendimento as questões comuns do dia a dia.

Para demostrar tais ações, apresentamos o relatório:

SEMUSA

A Secretaria Municipal de Saúde é, sem dúvidas, uma das pastas em maior visibilidade na atualidade por motivos óbvios. Além dos problemas enfrentados normalmente, a pandemia do novo Coronavírus veio para mostrar a importância de um Sistema Único de Saúde bem estruturado e unificado desde o Município ao Ministério da Saúde.

Em 2021, os esforços da SEMUSA estão voltados ao combate da pandemia, principalmente com a vacinação dos grupos de risco, acompanhamento dos pacientes em tratamento domiciliar e assistência aos casos mais graves da doença. Ao todo foram realizados mais 600 testes rápidos e coletado mais de 800 amostras de material para exame do LACEN/RO.

A SEMUSA também realizou a aplicação de aproximadamente 700 doses de vacina até o dia 10 de abril. Além disso, foram realizadas aquisições de insumos e medicamentos, desde os distribuídos no Kit Covid-19 até oxigênio e kits de oxigenação, evitando o desabastecimento e uma crise no sistema de saúde municipal, como visto em alguns municípios do Brasil.

Além do combate a Covid-19, a SEMUSA atuou na contratação de novos profissionais para dar celeridade aos atendimentos e suprir toda a demanda começando pelo envio de dois médicos, encaminhados através do Programa Mais Médicos do Governo Federal, para os distritos de Três Coqueiros e Rio Branco. Em Março, foi lançado o Edital 001/2021 do Processo Seletivo com a oferta de 3 vagas para o cargo de Médico Clinico Geral para atendimento no Hospital de Pequeno Porte que, apesar dos esforços, resultou na contratação de apenas 1 profissional, fazendo necessário a publicação do Edital 002, com a oferta de 10 vagas entre técnicos e superior para atender a toda a rede municipal.

A oferta de exames laboratoriais também foi retomada graças a ações compra de um aparelho novo para a realização de exames de sangue e ao concerto do aparelho antigo que estava quebrado, permitindo a continuidade dos serviços mesmo no caso de manutenção de um dos dois equipamentos.

Até o 100º dia de mandato foram investidos mais de R$ 2.400.000,00 (dois milhões e quatrocentos mil reais) para o desenvolvimento de ações e atividades da SEMUSA. Reiteramos que esse valor é aproximado e corresponde a todas as despesas da secretaria no período citado, incluindo aquisições de materiais, contratações de serviços e despesas com folha de pagamento de servidores.

ASCOM – Prefeitura de Campo Novo de Rondônia

Atenção: Devido a extensão da matéria completa, a mesma será publicada em partes, por secretaria, a fim de permitir uma melhor leitura e entendimento das informações. A ASCOM se coloca a disposição para sanar duvidas. Contato: [email protected]

Sem comentários.

Deixe um comentário

O e-mail não será publicado. Requerido(*).

três + um =