Agricultura familiar: SEAMAT realiza mutirão de limpeza no barracão da feira

A equipe Da Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) realizou uma limpeza geral no “Barracão da Feira Municipal” de Campo Novo de Rondônia. O objetivo é revitalizar e incentivar os pequenos produtores a voltarem a ver o local como ponto de venda dos seus produtos.

Tendo em vista que, devido a Pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), mantido pelo Governo Federal, foi reativado somente para os Municípios em estado de Calamidade Pública, infelizmente, o Município de Campo Novo de Rondônia acabou não sendo contemplado, fazendo com que o Pequeno produtor da Agricultura Familiar perdesse esse meio de contemplação de renda.

Isso acontece porque o PAA é um programa onde a Secretaria de Estado da Agricultura (SEAGRI) comprava diretamente do produtor e doava para as entidades cadastradas do Município.

Contudo a SEAMAT está sempre procurando meios para ajudar ao produtor e assim não deixar com que o produtor perca seus produtos. A revitalização da Feira Municipal é um desses meios, pois ajudará tanto o produtor a vender seus alimentos, como também fará com que a população tenha acesso a verduras, fritas e legumes fresquinhos e de qualidade vindos daqui do seu próprio Município.

Para isso a secretaria optou pela limpeza e higienização para proporcionar um ambiente mais agradável e, assim, tanto incentivar o pequeno produtor a vender quanto também ao incentivo da população a voltar a ter o costume de comprar do produtor local ajudando assim o próprio Município.

“Valorize o Pequeno Produtor”.

Texto e fotos: SEAMAT.

Secretaria de Meio Ambiente realiza limpeza de lixo jogado em estrada

A Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT), juntamente com os proprietários de maquinários da região, realizou a limpeza de Resíduos Sólidos na estrada saída para Linha Pedra Branca, local utilizado pela população para descarte de lixo e outros resíduos.

A limpeza aconteceu dia 03 de junho e foi de suma importância para evitar danos maiores, mas, mesmo assim, acaba trazendo despesas ao Munícipio com horas maquinas, gastos estes que seriam totalmente evitados caso a população tivesse a devida conscientização no descarte correto dos seus Resíduos Sólidos.

Vale ressaltar que não é de hoje que, infelizmente, a população vem descartando incorretamente entulhos de construções, lixos domésticos, restos mortais de animais e outros tipos de lixo nesta localidade, principalmente nas beiras dos rios, acarretando graves danos ambientais ocasionando contaminações do solo, da água e consequentemente afetando nas perdas de espécies da água locais, já que através das chuvas esses lixos acabam caindo sobre os rios. Esse há

Aproveitamos para enfatizar que esta secretaria já esta realizando as devidas Coletas de Resíduos Sólidos Recicláveis toda a segunda e sexta-feira. A SEAMAT se coloca a disposição para maiores informações através do telefone (69) 3239-2478.

Texto e fotos: SEAMAT.

Conheça Marcia Xavier, Secretária Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo

Márcia Xavier Pereira Costa nasceu em 23 de Setembro de 1976, na cidade de Pontes e Lacerda no Estado de Mato Grosso, filha de Durval Xavier Pereira e Eneide Rodrigues Lessa, é casada e mãe de 03 filhos.

Filha de agricultores, mudou-se para Rondônia em 1986 após a família adquirir terras na região e em 1992 conheceu Campo Novo de Rondônia, ao visitar uma irmã que já morava no município e possuía uma loja de confecções.

“Logo me apaixonei pelo lugar simples, mas que possui algo especial e atrativo para alguém que sempre quis ser independente e criar uma carreira profissional”.

Com apenas 16 anos Marcia já possuía um escritório de contabilidade, onde aprendeu muito em relação aos comércios aqui existentes, e em 1995 ingressou no setor público como professora de séries iniciais pelo Município de Campo novo de Rondônia. Prestou seu primeiro concurso em 1997 e no ano de 2006 ficou na segunda colocação para Administradora Pública.

Com 03 filhos pequenos e com renda única para manter a família, conseguiu superar os obstáculos da vida e se formou como Administradora! Em 2010, após o concurso ter sido prorrogado, assumiu o cargo no qual permanece até hoje com 23 anos de serviços público prestado a população.

Em 2013 foi cedida a Secretaria de Agricultura para instituir programas essenciais para ativar a economia do município. Nesta atribuição pode desenvolver várias ações juntamente com equipes da secretaria, levando conhecimento e capacitações a agricultores através dos sistemas S, podendo causar certo estimulo aos produtores e comerciantes locais na tentativa de realizar o fomento na economia local.

“Em setembro de 2016 assumi a pasta de Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo, sendo para mim um grande desafio, porem o grande aprendizado para meu crescimento profissional no setor público”, disse Marcia, “o município possui uma grande potencialidade de produção, porém não comporta a quantidade para comercialização local, sendo este um grande desafio para o poder público e para os produtores da região”.

“A fase de agricultura de produtos já passou, agora é a fase de agricultura de conhecimentos e são esses conhecimentos que devemos proporcionar aos agricultores para que juntos enfrentemos os obstáculos do futuro”, encerrou Márcia.

Texto: Thiago Laurencio – Assessor de Imprensa e Comunicação

SEAMAT: Alimentos adquiridos através do Programa de Aquisição de Alimentos são distribuídos á população

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) é um Programa do Governo do Estado de Rondônia que possui duas finalidades básicas: promover o acesso à alimentação saudável e incentivar a agricultura familiar. 

Para o alcance desses dois objetivos, o programa compra alimentos produzidos pela agricultura familiar, com dispensa de licitação, e os destina às pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional e àquelas atendidas pela rede socioassistencial, pelos equipamentos públicos de segurança alimentar e nutricional e pela rede pública e filantrópica de ensino.

Em Campo Novo o PAA é coordenado pela Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) que realiza a gestão dos recursos repassados da Secretaria de Estado de Agricultura (SEAGRI) e encaminha os alimentos a cinco instituições governamentais e assistenciais do Município sendo: Escola Municipal Cassiano Ricardo, Escola Estadual 15 de Outubro, Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e Creche e Escola Municipal Paulo Coelho e ao Hospital de Pequeno Porte.

Desde a paralização dos serviços prestados em várias dessas instituições, devido a pandemia do coronavírus, os alimentos adquiridos estão sendo distribuídos á população através das próprias instituições.

Dessa forma é possível garantir a continuidade da oferta de uma alimentação de qualidade aos que já eram atendidos além de manter a renda dos pequenos agricultores que vendem seus produtos para o PAA.

Texto: Thiago Laurencio – Assessor de Imprensa e Comunicação.

Fotos: Divulgação.

COMUNICADO: SEAGRI suspende Rodada de Negócios da Rondônia Rural Show de Campo Novo

A Secretaria de Estado de Agricultura (SEAGRI) suspendeu através do Ofício-Circular nº 43/2020/SEAGRI-GGPP, de 17 de março de 2020, a Rodada de Negócios da Rondônia Rural Show que aconteceria nos dias 26 e 27 de março aqui em Campo Novo de Rondônia.

A suspensão é uma medida preventiva em resposta ao surto de coronavírus que está se espelhando a cada dia mais pelo território brasileiro.

Além da Rodada de Negócios de Campo Novo, também foi suspensa a Rodada de Negócios de Nova Califórnia, Distrito do Município de Porto Velho, que aconteceria entre nos dias 19 e 20 de março.

Os eventos serão remarcados em datas oportunas assim que possível.

Apesar da medida tomada, a SEAGRI não cancelou a realização da 9ª Rondônia Rural Show, maior feira de agronegócios da região norte, que está marcada para acontecer entre os dias 26 a 30 de maio de 2020 em Ji-Paraná. Entretanto, informou que fará avaliações periódicas, com base nas recomendações e determinações dos órgãos de saúde competentes, e que emitirá comunicados quinzenais sobre a realização das atividades previstas.

CONFIRA A ÍNTEGRA DO OFÍCIO 43/2020/SEAGRI-GGPP ABAIXO!

Texto: Thiago Laurencio – Assessoria de Imprensa e Comunicação.

SEAMAT inicia Programa de Aquisição de Alimentos 2020

A Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo de Campo Novo de Rondônia iniciou na última terça-feira, dia 28, a execução do PAA – Programa de Aquisição de Alimentos 2020.

O PAA é um programa do Governo Federal que utiliza recursos do Ministério do Desenvolvimento Social para incentivar a agricultura familiar e assistir entidades públicas e filantrópicas através do apoio ao fornecimento de uma alimentação de qualidade a pessoas carentes e crianças da rede de ensino público.

A SEAMAT coordena o PAA em Campo Novo desde Junho de 2019, anteriormente esse papel era desempenhado pela EMATER-RO.

Na primeira aquisição de 2020, foram recolhidos mais de 490 Kg de alimentos entre mamão, abóbora, banana, verduras e legumes que serão utilizados nas refeições da Escola Cassiano Ricardo, Escola 15 de Outubro, Escola e Creche Paulo Coelho, Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e no Abrigo Municipal.

Ao todo serão R$ 25.305,45 (vinte e cinco mil, trezentos e cinco reais e quarenta e cinco centavos) em alimentos que serão comprados diretamente dos 6 produtores cadastrados no programa.

“Além de garantir uma alimentação saudável e diversificada para todos os que são atendidos pelas entidades, o PAA ainda fomenta a agricultura familiar ao comprar o produto direto dos produtores rurais de Campo Novo”, explicou a Coordenadora do PAA, Tamires da Silva.

Texto: Thiago Laurencio – Assessor de Imprensa e Comunicação

Fotos: Divulgação

Programa Plante Mais distribui mudas de café clonal para agricultores de Campo Novo

A Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) de Campo Novo de Rondônia realizou a entrega de 12.720 mudas de café clonal para os agricultores do município.

Essa ação faz parte do Programa Plante Mais, desenvolvido pela Secretaria de Estado de Agricultura (SEAGRI), que tem o objetivo de incentivar o crescimento da agricultura familiar no Estado de Rondônia.

Ao todo, seis famílias de agricultores foram beneficiadas com aproximadamente 2.100 mudas cada.

Além da entrega das mudas, a SEAMAT ainda oferece assistência técnica especializada para auxiliar os produtores no plantio e cuidados com a lavoura.

Texto: Thiago Laurencio – Assessor de Imprensa e Comunicação

Fotos: Divulgação

Fomento: Prefeitura de Campo Novo participa do 2º Encontro Estadual de Turismo

O 2º Encontro Estadual de Turismo aconteceu durante os dias 23, 24 e 25 de Outubro no Município de Cacoal e juntou Prefeitos, Secretários e empresários ligados ao Turismo em Rondônia.

Com 3 dias de duração e uma extensa grade de palestras e debates, o encontro teve o objetivo de fomentar o turismo regional através da capacitação de Municípios e empresas que atuam ou pretendem atuar no ramo.

Catiele Oliveira, servidora da Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) de Campo Novo, representou a Prefeita Valdenice Domingos e o Secretário da SEAMAT Moisés Oliveira no evento.

Turismo em Campo Novo

Com belezas naturais raras, Campo Novo foi inserido recentemente no Mapa Turístico de Rondônia e conta com um projeto, já em andamento, para a regularização e a exploração sustentável do Ecoturismo Regional.

Para isso, diversos órgãos e entidades estão reunidos para garantir o crescimento da economia local, a partir da abertura desse novo ramo de negócios, mas sem prejudicar a Biodiversidade.

Por Thiago Laurencio – Assessor de Imprensa e Comunicação.

QUEIMADA É CRIME! DENUNCIE!

Somos cientes que queimar resíduos ou vegetação sem autorização é crime.

A legislação brasileira conta com inúmeras leis e regulamentações que regulam o uso do fogo. O descumprimento de tais normas se enquadra em crime ambiental passível de multa e prisão. Quando falamos em uso do fogo indevidamente não falamos apenas em queimadas na zona rural, mas qualquer prática de queima seja na zona rural ou urbana.

Mesmo correndo o risco de sofrerem punições, muitas pessoas ainda não tomaram conta do risco que é usar o fogo indevidamente. Talvez por falta de entendimento quanto à todas as consequências que tal ato provoca. Além do risco de tomar multa ou punições mais severas, existem inúmeros malefícios que a fumaça traz para a saúde humana, como complicações nas vias respiratórias, rinite, asma, bronquite, Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC), doenças cardiovasculares, insuficiência respiratória, pneumonia e até câncer.

A inalação da fumaça traz malefícios a curto e longo prazo dependendo da quantidade de fumaça inalada. Para os idosos e recém-nascidos o risco é muito maior.

Além da fumaça afetar nossa saúde, também afeta a saúde de fauna e flora. Os animais sejam domésticos ou selvagens também sofrem com os problemas de se respirar fumaça. Além do mal de se respirar a fumaça, muitos animais e plantas acabam sofrendo contato direto com as chamas, onde acabam por perder a vida.

Nos casos de espécie em risco de extinção a cada morte as chances de se extinguir aumenta. Além disso ainda se corre o risco de o fogo alcançar uma pastagem com gado em que além de se perder a pastagem ali cultivada o gado presente pode vir a óbito. Além dos problemas causados à vida, existem também os prejuízos financeiros que o fogo pode provocar. Quando o uso do fogo não é controlado o risco de se colocar fogo em lugares de alto valor e importância como residências, lavouras e pastagem é alto.

No caso de queima de pastagem com fins de reformá-lo é necessário esclarecimentos aos donos das propriedades rurais quantos as consequências provocadas pela queima da pastagem velha, como destruição dos nutrientes fundamentais para qualquer cultura vegetativa, como o potássio, fósforo e nitrogênio, morte de microrganismos que auxiliam no desenvolvimento do capim, redução da umidade do solo levando a sua compactação, desencadeio do processo erosivo e outras formas de degradação do solo, aumento da liberação de dióxido de carbono (uma das principais causas do aquecimento global), polui e destrói nascentes, águas subterrâneas e rios, destrói habitats naturais, aumento da acidez da terra, além da alta quantidade de fumaça lançado no ar que viaja por quilômetros provocando transtornos por onde chega.

Somente quando a população estiver por inteiro consciente da importância de se preservar o meio ambiente alcançaremos a sustentabilidade.

Queimada é Crime! Denuncie! Telefone para denuncias: (69) 3239-2478.

Secretaria de Meio Ambiente realiza palestra de conscientização com crianças do Bairro Nova Vida

A Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo de Campo Novo de Rondônia realizou na ultima quinta-feira, dia 12, uma palestra de conscientização com o tema “Lixo”.

Realizada no Conjunto Habitacional do Bairro Nova Vida, a palestra era direcionada a crianças do Escolinha de Futebol do Professor Erlei mas os alunos estenderam os convides aos amigos, pais e vizinhos, resultando em um grane publico.

O tema “Lixo” foi debatido com as crianças de forma lúdica, conversando sobre os diferentes tipos de lixo, lixo reciclável e não-reciclável, como fazer a separação e até mesmo os serviços de coleta de lixo em Campo Novo e a destinação do material coletado.

A palestra foi organizada e apresentada pelos servidores da SEAMAT, Tamires da Silva, Catiele Oliveira, Josilane Pinto e Marionildo Landinho.

Por: Thiago Laurencio – Assessor de Imprensa e Comunicação!