Concafé: Produtor de Campo Novo de Rondônia recebe premio de melhor café do Vale do Jamari

O produtor rural camponovense Sergio Antônio Brás recebeu o premio de melhor café da região do Vale do Jamari. A premiação foi entregue durante a 5ª edição do Concurso de Qualidade e Sustentabilidade do Café (Concafé Rondônia), na ultima sexta-feira, dia 6.

O café premiado é fruto do Programa de Implantação de Unidades Demonstrativas de Café Clonal implantado em 2017 pela Prefeitura Municipal de Campo Novo de Rondônia e que beneficiou 13 famílias de agricultores com um total de 50 mil mudas além da assessoria necessária.

Unidades Demonstrativas

Morador do Sitio Boa Vista, Linha Altamira, Sergio recebeu 2500 mudas de café clonal em 2017 como parte do Programa de Implantação de Unidades Demonstrativas de Café Clonal. Esse programa foi criado e administrado pela Prefeitura de Campo Novo, através da Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT), com a intenção de fomentar a agricultura familiar, com ênfase na lavoura de café clonal.

Na época, foram 50 mil mudas de café clonal adquiridos pela Prefeitura e distribuídas para 13 famílias de agricultores que se cadastraram como interessados após o chamamento realizado.

Além das mudas, a SEAMAT ainda ofereceu aos beneficiados o acompanhamento técnico necessário para garantir o sucesso da lavoura. Para isso foi contratado um engenheiro agrônomo que cuidou desde a seleção das mudas até o plantio e podas. Também foi ofertada a preparação do solo através de calagem fornecida através do Programa Mais Calcário do Governo do Estado de Rondônia.

“Esse prêmio tem uma importância gigantesca para a SEAMAT, mesmo não sendo uma premiação direta a Secretaria, nos sentimos premiados por saber que estamos envolvidos no sucesso desse produtor”, explicou Marcia Xavier, “eu particularmente fiquei eufórica quando soube que o Sr Sergio recebeu essa premiação, pois sei do trabalho desenvolvido pela SEAMAT para garantir o sucesso da lavoura”.

Ao participar do projeto, os agricultores beneficiados assinaram um contrato com a Prefeitura se comprometendo a “devolver” para a Secretaria a quantidade de mudas que recebeu e, dessa forma, garantir a continuidade do programa através da seleção de novos agricultores para serem beneficiados com as novas mudas de café clonal.

O Programa Unidade Demonstrativa de Café Clonal de Campo Novo conta com assistência técnica fornecida pela EMATER/RO durante seu ciclo.

CONCAFÉ 2020

O CONCAFÉ objetiva identificar, premiar e promover os cafés robustas de qualidade, produzidos com sustentabilidade em Rondônia. É uma realização do Governo do Estado de Rondônia, coordenado pela SEAGRI, EMATER, IDARON e com apoio da Câmara Setorial do Café, CAFERON, EMBRAPA, MAPA, SEBRAE, FAPERON E SENAR.

Este ano, o Concafé premiou cafeicultores na modalidade “Qualidade de Bebida” onde o 1º lugar recebeu um trator cafeeiro, no valor superior a R$ 140 mil. Para o 2º lugar R$ 30 mil em dinheiro e crédito; 3º lugar R$ 15 mil em crédito e 4º lugar R$ 10 mil em crédito. Além de uma secadora de café, no valor de R$ 98 mil para o cafeicultor ganhador na modalidade “Sustentabilidade”.

Da região de Rolim de Moura, mais precisamente do município de Novo Horizonte do Oeste, vem a grande campeã do Concafé deste ano. A cafeicultora Luciana Franklin, que estava ao lado do esposo Valdecir Franklin e da filha Thais Franklin, acreditou e buscou fortalecer a qualidade do café e alavancar a produção. “Estou explodindo de muita emoção. Estamos todos felizes por conquistar esse sonho e nos tornarmos campeões do melhor café de Rondônia este ano. Esse incentivo do Governo é importante para todos os cafeicultores”, disse Luciana.

Conheça um pouco dos destaques da edição 2020 do Concafé:

SUSTENTABILIDADE

Prêmio – secadora de café

Ronaldo da Silva Bento

A família campeã da categoria Sustentabilidade do Concafé é extremamente dedicada e caprichosa. A propriedade campeã da categoria sustentabilidade atingiu 39 de um total de 40 pontos. É uma família dedicada que trabalha unida e com esforço.

QUALIDADE DE BEBIDA 

1° Lugar: trator cafeeiro

Luciana Franklin

O melhor café de 2020 teve a pontuação recorde de 90,42 pontos, sendo um café delicado, completo, com aroma floral de jasmim, doce como mel de cana, com sabor de uva.

2°Lugar: premiação de R$ 30 mil

Maria Aparecida Cantuário

O segundo melhor café de Rondônia apresentou uma nota de 90,08 pontos. Considerado explosivo, exótico com notas de hortelã, jasmim, sabor de pêssego e acidez brilhante.

3° Lugar: premiação de R$ 15 mil

Tawãn Aruá

O terceiro colocado do Concafé 2020 é cheio de significados para Rondônia. Ele representa uma cultura, uma etnia apresentando um café. O terceiro melhor café de Rondônia tem uma história muito especial. Com 88,08 pontos café floral, com sabor vinhoso, com toques de jabuticaba, maracujá, carambola e acidez brilhante.

4° Lugar: premiação de R$ 10 mil

Lourenço Marques

O quarto colocado do Concafé 2020 obteve pontuação de 87,92 pontos. Um café refrescante, com cheiro de jasmim, sabor de cacau e mamão. Pela primeira vez entre os premiados.

Com informações de rondonia.gov.br

Assessoria de Comunicação e Divulgação

Prefeitura Municipal de Campo Novo de Rondônia

Turismo: Prefeitura de Campo Novo de Rondônia adere ao Programa Viaja Mais Servidor do Governo de Rondônia

A Prefeitura Municipal de Campo Novo de Rondônia firmou parceria com o Governo do Estado de Rondônia, através da Superintendência Estadual de Turismo (SETUR), para incluir servidores e empresas do Município no Programa Viaja Mais Servidor, programa administrado pela SETUR que garante descontos para servidores em hotéis, locadoras de veículos, agencias de turismo, empresas de transporte rodoviário, restaurantes e outros locais cadastrados como fornecedores.

O Viaja Mais Servidor é uma iniciativa do Governo Estado de Rondônia que visa garantir, além de descontos para que servidores possam aproveitar as belezas do turismo estadual, o fomento da economia local nos municípios do Mapa Turístico de Rondônia. O referido programa era, inicialmente, destinado aos servidores estaduais, mas foi expandido e permitiu a adesão dos municípios e agora é analisado pelo Ministério do Turismo para ser implantado a nível nacional.

A Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) iniciará agora o cadastro das empresas que desejarem se tornar parceiras do Programa Viaja Mais Servidor. Para isso a equipe da Secretaria entrará em contato com empresas do município, mas também já está recebendo os empresários que estejam interessados.

Caso deseje saber sobre o programa e as vantagens para as empresas participantes, o empresário pode procurar a SEAMAT na Rua 21 de setembro, 1932, setor 02, ao lado da Feira do Produtor Rural.

Importante ressaltar que os servidores municipais ainda não estão cadastrados e liberados para acessar e utilizar os benefícios do programa, situação que será disponibilizada assim que for finalizado o cadastro do município, servidores e empresas.

Programa Viaja Mais Servidor

O programa VIAJA MAIS SERVIDOR tem por objetivo gerar o fomento do segmento turístico, o sentimento de pertencimento do Estado de Rondônia, além da movimentação econômica do segmento, valorizar o Servidor Público quanto ao acesso às atividades turísticas locais; fortalecer o mercado interno, dinamizando a cadeia de distribuição do turismo e proporcionar maior estabilidade ao setor de serviços; estimular a atividade turística, em especial, nos períodos de baixa ocupação, como mecanismo de aumento da competitividade dos atrativos turísticos rondonienses e redução dos efeitos da sazonalidade; proporcionar ao público-alvo maior conhecimento as atrações rondonienses: de sua natureza, cultura, incentivando o hábito de viagem.

Para o Servidor: LAZER! Para o empresário: fortalecimento e visibilidade do seu negócio.

Através do programa o Servidor tem à sua disposição ofertas de agências e operadoras de turismo, possibilitando o acesso aos meios de hospedagem, atrativos turísticos, empresas de transporte, clubes de lazer, dentre outros.

Para mais informações acesse o portal do Programa Viaja Mais Servidor através do link: https://rondoniatemtudo.ro.gov.br/Servidor/ViajaMaisServidor

Com informações de SETUR.

Assessoria de Comunicação e Divulgação

Prefeitura Municipal de Campo Novo de Rondônia

SEAMAT inicia serviço de limpeza de entulhos em vias publicas de Campo Novo de Rondônia

A Secretaria Municipal de Agricultura, meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) em parceria com a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (SEMOSP) iniciou o serviço de limpeza de entulhos das vias publicas.

A ação consiste na retirada de entulhos de obras e lixo que estão depositados em frente ás residências, sobre calçadas ou em terrenos baldios.

Juntamente com a limpeza, a equipe de servidores está realizando a notificação de esclarecimento para que os proprietários tomem ciência e não tornem a depositar materiais de descarte nas vias públicas.

Além disso, está sendo distribuído aos moradores um informativo sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura Municipal de Campo Novo de Rondônia, através de suas secretarias, que podem ser utilizados pela população para dar o destino certo ao lixo domestico, lixo reciclável, entulho de obras e outros matérias, sem descarta-los de forma errada.

Assessoria de Comunicação e Divulgação

Prefeitura Municipal de Campo Novo de Rondônia

SEAMAT e CMEI Paulo Coelho promovem plantio de mudas em alusão ao Dia da Árvore

A Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT), através do Departamento de Meio Ambiente, realizou uma ação de educação ambiental em cooperação com a Creche Municipal e Escola Infantil Paulo Coelho.

Por meio da solicitação da Pedagoga da turma do maternal I, Professora Francieli Mendes Marques, a SEAMAT realizou a doação de mudas para que os seus alunos plantarem em comemoração ao dia da árvore, comemorado no dia 21 de setembro.

A diretora do departamento, Catieli Oliveira de Sousa, fez a intermediação desta ação onde foram doadas 13 mudas de Oiti, um tipo de árvore de urbanismo que pode ser plantada sem demanda de muito espaço.

“Ações como está tem grande importância tendo em vista que em meio a pandemia que estamos passando, existe uma limitação de ações que podem ser executadas”, exclareceu a Diretora de Meio Ambiente, “as mudas foram repassadas aos pais das crianças para que os mesmo auxiliem no plantio”.

Fonte: SEAMAT.

SEDAM REALIZA CAMPANHA PREVENTIVA DE COMBATE AO DESMATAMENTO E QUEIMADAS EM CAMPO NOVO DE RONDÔNIA

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental – SEDAM através da Coordenadoria de Educação Ambiental – CEAM em parceria com o Batalhão de Polícia Ambiental – BPA realiza ações de prevenção as queimadas ilegais no município de Campo Novo de Rondônia

A equipe da CEAM juntamente com o BPA realizou uma reunião junto a Prefeitura do Município de Campo Novo, para o alinhamento das ações a serem desenvolvidas no município. Na reunião foi apresentado o Plano de Gestão Ambiental de Prevenção ao Desmatamento e Combate à Queimadas e Incêndios florestais do Estado de Rondônia, com orientações para a Prefeitura e também sobre a utilização do aplicativo Guardiões da Amazônia como uma ferramenta de enfrentamento aos ilícitos ambientais.

Dentre as ações da CEAM, foi realizado uma Blitz Educativa com a união dos órgãos competentes: Secretaria Municipal do Meio Ambiente, SEDAM, Batalhão da Polícia Ambiental, conscientizando os moradores quanto aos efeitos maléficos que as queimadas ocasionam a saúde da população, com aumento de problemas respiratórios, e agora potencializado com a pandemia que estamos enfrentando, além dessas orientações, foram distribuídos panfletos, adesivos para carros  e também sacolas ecológicas.

A reunião contou com a participação do Prefeito de Campo Novo de Rondônia, Oscimar Ferreira, e da Secretária Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo, Marcia Xavier.

Texto: CEAM/SEDAM
Fotos e Vídeos: Dione Subtil

CLIQUE AQUI e confira o vídeo na Página da Prefeitura Municipal de Campo Novo de Rondônia no Facebook!

MEIO AMBIENTE: SEAMAT realiza campanha de prevenção e combate às queimadas

A Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) realizou uma campanha educacional com panfletagem a domicilio, com o objetivo de conscientizar e sensibilizar a população da prática das queimadas, tanto urbana quanto na zona rural.

A ação aconteceu durante dois dias, 29 de julho e 06 de agosto, onde foram distribuídos panfletos e realizada orientações no sentido de alertar que as queimadas sem autorização constituem em crime ambiental. Os servidores realizaram os serviços devidamente equipados com máscaras, utilizando álcool em gel e seguindo as recomendações de distanciamento social.

Importante ressaltar que durante o período de estiagem (seca) a baixa umidade relativa do ar juntamente com os ventos, fortes comuns no nosso município, tornam o ambiente propício a queimadas, trazendo uma série de problemas ambientais, além de danos à saúde da população.

Por isso a sensibilização das pessoas a não atearem fogo nas propriedades urbanas e rurais e nem em lixo ou terrenos baldios.

A equipe da SEAMAT reforçou aos munícipes que queimada sem autorização se constitui em crime ambiental previsto na Lei.

DENUNCIE através do telefone do Departamento Municipal de Meio Ambiente 3239-2478 ou da Policia Militar pelo 190.

DIGA NÃO AS QUEIMADAS! ACENDER É FÁCIL. DIFÍCIL É APAGAR!

CAMPO NOVO SEM QUEIMADAS!

Texto e fotos: SEAMAT.

Agricultura familiar: SEAMAT realiza mutirão de limpeza no barracão da feira

A equipe Da Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) realizou uma limpeza geral no “Barracão da Feira Municipal” de Campo Novo de Rondônia. O objetivo é revitalizar e incentivar os pequenos produtores a voltarem a ver o local como ponto de venda dos seus produtos.

Tendo em vista que, devido a Pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), mantido pelo Governo Federal, foi reativado somente para os Municípios em estado de Calamidade Pública, infelizmente, o Município de Campo Novo de Rondônia acabou não sendo contemplado, fazendo com que o Pequeno produtor da Agricultura Familiar perdesse esse meio de contemplação de renda.

Isso acontece porque o PAA é um programa onde a Secretaria de Estado da Agricultura (SEAGRI) comprava diretamente do produtor e doava para as entidades cadastradas do Município.

Contudo a SEAMAT está sempre procurando meios para ajudar ao produtor e assim não deixar com que o produtor perca seus produtos. A revitalização da Feira Municipal é um desses meios, pois ajudará tanto o produtor a vender seus alimentos, como também fará com que a população tenha acesso a verduras, fritas e legumes fresquinhos e de qualidade vindos daqui do seu próprio Município.

Para isso a secretaria optou pela limpeza e higienização para proporcionar um ambiente mais agradável e, assim, tanto incentivar o pequeno produtor a vender quanto também ao incentivo da população a voltar a ter o costume de comprar do produtor local ajudando assim o próprio Município.

“Valorize o Pequeno Produtor”.

Texto e fotos: SEAMAT.

Secretaria de Meio Ambiente realiza limpeza de lixo jogado em estrada

A Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT), juntamente com os proprietários de maquinários da região, realizou a limpeza de Resíduos Sólidos na estrada saída para Linha Pedra Branca, local utilizado pela população para descarte de lixo e outros resíduos.

A limpeza aconteceu dia 03 de junho e foi de suma importância para evitar danos maiores, mas, mesmo assim, acaba trazendo despesas ao Munícipio com horas maquinas, gastos estes que seriam totalmente evitados caso a população tivesse a devida conscientização no descarte correto dos seus Resíduos Sólidos.

Vale ressaltar que não é de hoje que, infelizmente, a população vem descartando incorretamente entulhos de construções, lixos domésticos, restos mortais de animais e outros tipos de lixo nesta localidade, principalmente nas beiras dos rios, acarretando graves danos ambientais ocasionando contaminações do solo, da água e consequentemente afetando nas perdas de espécies da água locais, já que através das chuvas esses lixos acabam caindo sobre os rios. Esse há

Aproveitamos para enfatizar que esta secretaria já esta realizando as devidas Coletas de Resíduos Sólidos Recicláveis toda a segunda e sexta-feira. A SEAMAT se coloca a disposição para maiores informações através do telefone (69) 3239-2478.

Texto e fotos: SEAMAT.

Conheça Marcia Xavier, Secretária Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo

Márcia Xavier Pereira Costa nasceu em 23 de Setembro de 1976, na cidade de Pontes e Lacerda no Estado de Mato Grosso, filha de Durval Xavier Pereira e Eneide Rodrigues Lessa, é casada e mãe de 03 filhos.

Filha de agricultores, mudou-se para Rondônia em 1986 após a família adquirir terras na região e em 1992 conheceu Campo Novo de Rondônia, ao visitar uma irmã que já morava no município e possuía uma loja de confecções.

“Logo me apaixonei pelo lugar simples, mas que possui algo especial e atrativo para alguém que sempre quis ser independente e criar uma carreira profissional”.

Com apenas 16 anos Marcia já possuía um escritório de contabilidade, onde aprendeu muito em relação aos comércios aqui existentes, e em 1995 ingressou no setor público como professora de séries iniciais pelo Município de Campo novo de Rondônia. Prestou seu primeiro concurso em 1997 e no ano de 2006 ficou na segunda colocação para Administradora Pública.

Com 03 filhos pequenos e com renda única para manter a família, conseguiu superar os obstáculos da vida e se formou como Administradora! Em 2010, após o concurso ter sido prorrogado, assumiu o cargo no qual permanece até hoje com 23 anos de serviços público prestado a população.

Em 2013 foi cedida a Secretaria de Agricultura para instituir programas essenciais para ativar a economia do município. Nesta atribuição pode desenvolver várias ações juntamente com equipes da secretaria, levando conhecimento e capacitações a agricultores através dos sistemas S, podendo causar certo estimulo aos produtores e comerciantes locais na tentativa de realizar o fomento na economia local.

“Em setembro de 2016 assumi a pasta de Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo, sendo para mim um grande desafio, porem o grande aprendizado para meu crescimento profissional no setor público”, disse Marcia, “o município possui uma grande potencialidade de produção, porém não comporta a quantidade para comercialização local, sendo este um grande desafio para o poder público e para os produtores da região”.

“A fase de agricultura de produtos já passou, agora é a fase de agricultura de conhecimentos e são esses conhecimentos que devemos proporcionar aos agricultores para que juntos enfrentemos os obstáculos do futuro”, encerrou Márcia.

Texto: Thiago Laurencio – Assessor de Imprensa e Comunicação

SEAMAT: Alimentos adquiridos através do Programa de Aquisição de Alimentos são distribuídos á população

O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) é um Programa do Governo do Estado de Rondônia que possui duas finalidades básicas: promover o acesso à alimentação saudável e incentivar a agricultura familiar. 

Para o alcance desses dois objetivos, o programa compra alimentos produzidos pela agricultura familiar, com dispensa de licitação, e os destina às pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional e àquelas atendidas pela rede socioassistencial, pelos equipamentos públicos de segurança alimentar e nutricional e pela rede pública e filantrópica de ensino.

Em Campo Novo o PAA é coordenado pela Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo (SEAMAT) que realiza a gestão dos recursos repassados da Secretaria de Estado de Agricultura (SEAGRI) e encaminha os alimentos a cinco instituições governamentais e assistenciais do Município sendo: Escola Municipal Cassiano Ricardo, Escola Estadual 15 de Outubro, Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e Creche e Escola Municipal Paulo Coelho e ao Hospital de Pequeno Porte.

Desde a paralização dos serviços prestados em várias dessas instituições, devido a pandemia do coronavírus, os alimentos adquiridos estão sendo distribuídos á população através das próprias instituições.

Dessa forma é possível garantir a continuidade da oferta de uma alimentação de qualidade aos que já eram atendidos além de manter a renda dos pequenos agricultores que vendem seus produtos para o PAA.

Texto: Thiago Laurencio – Assessor de Imprensa e Comunicação.

Fotos: Divulgação.